O experimento da mensagem secreta.

06 janeiro 2017

Não tenho mais fotos do meu diário, mas quando criança, costumava escrever algo assim também e tentava ocupar todas as linhas do caderninho.
Os diários, geralmente, fazem mais sucesso entre crianças que sempre procuram jeitos mirabolantes de escondê-los de todos. No caso de meninas o motivo mais comum era esconder das amigas, dos pais ou quem quer que seja para não descobrir a sua paixão secreta, o que era o meu caso.
No período passado na faculdade, eu tive minha primeira aula no CAP-UERJ de uma matéria chamada "as ciências do cotidiano escolar". A gente aprendia alguns métodos que nos auxiliaria a desenvolver a didática para conseguir ensinar determinadas matérias para nossos futuros alunos. E uma dessas aulas a professora nos passou um experimento chamado "mensagem secreta" fatalmente lembrei da minha infância e a minha luta para criar códigos, arrumar esconderijos para esconder meu diário.

Materiais e métodos:
  • 1 Limão
  • Copo
  • Faca
  • Palito
  • Folha de Papel
  • Uma fonte de calor (fogo, secador, microondas, ferro de passar roupa,...)
Divida o limão ao meio, esprema e despeje o seu sumo em um copo. Após isso, pegue um palito molhe sua ponta no líquido, escreva sua mensagem secreta no papel e deixe secar para que fique completamente invisível. Feito isto, mande sua mensagem à quem você tiver interesse e peça a pessoa para aquecer o papel para poder enxergar o conteúdo secreto. 
Participação especial da minha irmã fazendo a carinha na folha e minha tentativa de escrever "Feliz ano novo" que não deu muito certo.
Apesar de não ter dado muito certo, vamos fingir que foi proposital pra mostrar que não deve encostar o papel tão perto do fogo, evitando a sua queima e perda da mensagem. Fiz com o fogo por achar ser muito mais interessante do que os outros métodos, mas vocês podem tentar com os outros que farão sem dúvida menos sujeira haha.
Mas Mandy, por que isso acontece?
O limão possui uma substância química chamada de ácido cítrico (C6H8O7), quando aquecido sofre uma reação de oxidação gerando como produto dióxido de carbono e água. A água é liberada e a coloração que permanece no papel é de uma coloração parda, cor de café devido à queima.

Curiosidade a parte:
Esse tipo de mensagem secreta utilizando tintas invisíveis foi muito comum durante a Segunda Guerra Mundial. O nome da arte de fazer essas mensagens secretas se chama esteganografia, que consiste em basicamente escrever a mensagem ocultando o conteúdo para que ninguém saiba que ela exista. Enquanto que a criptografia é quando a mensagem mesmo se for interceptada por terceiros, eles saberão a existência dela, mas somente o remetente saberá qual é o código para decifrá-la, ao contrário da esteganografia que é algo mais simples. Contudo, ambas juntas consistem numa poderosa ferramenta para os agentes secretos, terroristas e espiões de todos os níveis.

Mandy.

Saiba mais:
Esteganografia, a arte de escrever mensagens ocultas.
Esteganografia - UFRJ

Obs: No último link citado, tem vários artigos interessantes para ler mais sobre essa arte milenar.

2 comentários

  1. Que massa! Bem divertidooo, dar até uma brincadeira legal em grupoo. Não sabia disso!

    derepentemodaa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é muito legal esse experimento, um dos melhores que eu já fiz!

      beijos,
      Mandy

      Excluir

© Copyright DE LOUCOS TODOS SOMOS UM POUCO | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Designer e programação por: DRÊ DESIGN.
imagem-logo